sexta-feira, 12 de fevereiro de 2016

SUSPEITO MORRE EM TROCA DE TIROS COM A PM EM ITABAIANA.


Um homem morreu e um adolescente foi apreendido nesta quinta-feira (11), no município de Itabaiana durante uma operação policial. Suspeito atirou contra os policiais e acabou sendo alvejado

Um homem identificado como Fábio Santos de Jesus, morreu após trocar tiros com policiais militares na tarde desta quinta-feira. As informações são de que uma guarnição realizava patrulhamento no bairro Bananeira, quando avistou dois homens em uma motoneta em atitude suspeita.

Logo em seguida, os militares deram ordem de parada para a dupla que desobedeceu à ordem de parada e empreendeu fuga, abandonando a motoneta e fugindo à pé.  Poucos metros após, um deles (adolescente) se rendeu e o outro continuou a fuga, chegando a invadir um estabelecimento comercial onde teria feito disparos contra os militares.

Os policiais revidaram os tiros e Fábio acabou sendo atingido no abdômen. Ele chegou a ser socorrido pelo Serviço de Atendimento Móvel de Urgências (Samu) e levado para o Hospital Regional de Itabaiana, mas não resistiu aos ferimentos e morreu.

Além do adolescente, os policias apreenderam o ciclomotor que a dupla usava e também um revólver de calibre 38, com quatro munições intactas e duas deflagradas.

Fonte:  Faxaju

O BLOG ESPAÇO MILITAR PARABENIZA O SOLDADO PM JORGE HENRIQUE PELO SEU ANIVERSÁRIO.



O blog Espaço Militar parabeniza o soldado PM Jorge Henrique pelo transcurso do seu aniversário nesta sexta, dia 12, rogando a Deus que o abençoe cada vez mais, dando-lhe muita paz, saúde, prosperidade e alegria ao lado dos seus familiares e amigos.

Prestamos a singela homenagem com a mensagem abaixo:

Chegou mais um aniversário seu e hoje estamos aqui para lhe parabenizar.
Aniversariar é se renovar a cada ano, é buscar sempre a evolução que a alma e o corpo precisam.
Neste dia especial, nós gostaríamos de desejar a você, todos os sentimentos bons do mundo.
Feliz aniversário! Que esta data se perdure por muito e longos anos, repletos de felicidades.

O BLOG ESPAÇO MILITAR PARABENIZA O SOLDADO PM MARCUS LUIZ OLIVEIRA POR COMPLETAR MAIS UM ANO DE VIDA.



O blog Espaço Militar parabeniza o soldado PM Marcus Luiz Oliveira pelo transcurso do seu aniversário nesta sexta-feira, dia 12, rogando a Deus que o abençoe cada vez mais, dando-lhe muita paz, saúde, prosperidade e alegria ao lado dos seus familiares e amigos.

Prestamos esta singela homenagem ao amigo:

Hoje estamos aqui lhe enviando esta mensagem para te desejar mil felicidades.
Desejamos que este dia seja de muitas alegrias e que você realize seus desejos.
Que esta data não seja só para trazer alegrias, mas sim para que a passagem de cada ano, você possa aprender as lições que a vida nos oferece.
Mesmos as passagens tristes e alegres sejam passos importantes em sua vida.
Que seus sonhos se transformem em coisas reais.
Feliz Aniversário.

E A FALTA DE SEGURANÇA ATENDE POR MENDONÇA, IUNES E EVERTON? E JACKSON?


Além de tirar a vida de mais um policial, a bandidagem marca o carnaval 2016, assinando mais de 30 homicídios. Segundo a mídia, exatos 32 cadáveres. Metade no solo de Aracaju. Seria uma forma irônica de fechar o atual ciclo do governo Jackson Barreto em se tratando da Secretaria de Estado da Segurança Pública de Sergipe?

Recorro aos botões: e se o governador promover, de fato, as mudanças especuladas, mas não cobrar do seu governo um diagnóstico que explique o fracasso da era Jackson, Mendonça Prado, Maurício Iunes e Everton Santos na SSP é possível mesmo apostar em dias melhores? Não teremos a exibição do mesmo filme de terror só que com atores diferentes? E aí?

Vou mais além: o problema está mesmo no material humano ou na ausência de projeto de governo? O caos repousa no individual ou no coletivo? O que falta para Sergipe ganhar a guerra contra os bandidos? Os erros emergiram no meio do caminho ou o governador já escalou errado, sem antes ter sequer a noção da missão para a qual estava selecionando os, supostamente, melhores?

Sem tais respostas, inclusive para escalar os novos e melhores nomes para enfrentar o mostro de frente, fica difícil acreditar que mude alguma coisa.

Note-se: o mesmo governo, a mesma polícia, os mesmos bandidos e mesma sociedade a clamar por segurança. Aí se exclui Mendonça, Iunes e Everton e está resolvido o problema? A tranquilidade retorna? Assim ao estilo Jeannie é um Gênio? Seria isso? Os problemas de segurança de Sergipe respondem pelos nomes de Mendonça, Iunes e Everton? Por este ângulo, a coerência lembra em tempo: e Jackson? Não estaria a avocar o lugar comum “tirar o braço da seringa?”

É imprescindível Jackson Barreto, cujo governo ainda não conseguiu implementar um projeto eficiente também na área de segurança, não perder mais tempo e cobrar o diagnóstico. Parar de atirar no escuro. Ou se já tem as tais respostas em mãos dividir com a população que custeia não apenas seu salário, mas também os demais vencimentos de todos que têm obrigação de garantir segurança. Jackson precisa emergir publicamente, explicar onde errou e renovar as promessas de soluções. Dar satisfação. É o mínimo que se espera. Muita gente perdeu a vida.

Do jeito que se desenha, contudo, a coisa reside muito nos bastidores. Exclui-se o maior interessado no assunto: o contribuinte.

Que não existe segurança em Sergipe é fato. Ninguém precisa ratificar. Que algo tem que ser feito idem. Mas qualquer governo, minimamente, preocupado com a população tem a obrigação – e não foge – de dar explicações convincentes dos seus passos mais importantes – até para não deixar dúvida da intenção de acertar.

No caso em foco, dado o caos na segurança, o governador não pode passar a ideia que sequer tem discernimento dos reais motivos que levaram o Estado a perder feio para os bandidos, e está promovendo mudanças por promover. Sem levar este juízo a cabo, passa a ideia que fritar Mendonça, Iunes e Everton seria o menor prejuízo. Mais vidas em xeque a parte mais cruel da história.

P.S. Solidariedade à família do professor de educação física assassinado em Aracaju, nas últimas horas.  

Fonte:  Universo Político (Joedson Telles)

E O SERVIDOR, Ó!


Está evidente que o governo de Sergipe não prioriza o funcionalismo.  Além do mais, deixou de enxugar a máquina, promessa feita no começo de 2015. Caso os salários encabeçassem a lista de prioridades, o primeiro compromisso do Executivo seria reservar 48% da receita visando pagar a folha de pessoal para, só depois, se preocupar em dividir entre os demais credores os 52% dos recursos restantes.

Fonte:  Blog do jornalista Adiberto de Souza

BANESE PEDE DESCULPAS POR TER DESCONTADO PARCELA 13º.


O Banese informa que em virtude de uma falha técnica a primeira parcela da antecipação do décimo terceiro salário de 2015 de alguns servidores do Estado foi debitada em duplicidade.

Ainda nesta quinta-feira (11), no entanto, o valor debitado em duplicidade foi estornado e o Banco garante que os servidores não terão qualquer prejuízo financeiro.

O Banese pede desculpas pelos transtornos gerados.

Fonte:  Ascom Banese

Nota do blog:  Interessante como o Banese só erra para tirar da conta, nunca para depositar a mais! Causou sim um grande transtorno aos servidores públicos estaduais que tiveram que se deslocar até a agência onde possui conta para poder saber o que estava acontecendo.

quinta-feira, 11 de fevereiro de 2016

UM DOS ACUSADOS DA MORTE DO CABO JOELITON TINHA SIM CONHECIMENTO DE QUE O MESMO ERA POLICIAL MILITAR, DIFERENTEMENTE DO QUE DIZ A ASCOM DA PMSE.


Em entrevista concedida ao programa Cidade Alerta Sergipe da TV Atalaia na noite desta quinta-feira, dia 11, a assessoria de comunicação da PMSE, afirmou o seguinte:  "... a violência no final de semana é assustadora para todos nós, entretanto nós precisamos enfatizar que neste caso e em outros casos, os marginais não tinham conhecimento de que se tratavam de policiais ..."

Ocorre que, o blog Espaço Militar discorda no que diz respeito ao Cabo Joeliton, onde um dos suspeitos entrevistados no mesmo programa jornalístico desta quarta-feira, dia 10, ao ser indagado pelo jornalista Marcos Couto se conhecia o policial militar, respondeu o seguinte: "... já, já sim, porque ele morava na mesma rua, que ele é conhecido, que conhece meu pai e minha família toda, que mora na rua O ou F, que ele conhece minha família toda e eu conheço ele sim ..."

Confiram as duas entrevistas abaixo, sendo a primeira das ascom da PMSE e a segunda dos suspeitos de assassinarem o Cabo Joeliton e tirem suas conclusões:


Fonte dos vídeos, Cidade Alerta Sergipe/TV Atalaia

Matéria do blog Espaço Militar

SERGIPE ULTRAPASSA LIMITE DA LRF E DEVE ATRASAR PCCV DOS SERVIDORES.

Segundo a Sefaz, a situação é oriunda da perda de R$ 41 milhões do FPE


Sergipe fechou o ano de 2015 com uma das piores situações financeiras do país, é o que demonstra um levantamento feito pela Folha de São Paulo. O governo sergipano está com 47.82% da sua receita liquida comprometido com a folha de pagamento – acima do limite prudencial da Lei de Responsabilidade Fiscal (LRF). Segundo o Governo, essa situação é reflexo da perda de R$ 41 milhões em repasses do Fundo de Participação dos Estados (FPE) no mês de janeiro, o que representa 35% a menos do que o previsto.

E a LRF ameaça mais 19 estados que estão em alerta ou no limite máximo, entre eles Rio Grande do Norte, Tocantins, Mato Grosso, Rio Grande do Sul, Alagoas, Goiás, Santa Catarina, Amazonas, Minas Gerais, Bahia, Pará, Roraima, Distrito Federal, São Paulo, Pernambuco, Ceará, Mato Grosso do Sul, Acre e Rondônia.

No ranking dos estados, Sergipe está em 10º lugar. Os primeiros que estão acima do limite máximo da LRF que é de 49%, é RN com 52.53%, em seguida, TO com 51.67%, MT com 50.20% e RS com 49.18%.

No ano passado, segundo a Folha, os estados arrecadaram quase R$ 30 bilhões a menos do que o esperado, diante a crise econômica e os desajustes no orçamento, além da maioria dos governos terem recebido menos receita com tributos e transferências federais do que o previsto em 2014. E a perspectiva para 2016 não são das melhores para os servidores que devem sofrer, novamente, atrasos em pagamentos. Sergipe é um dos estados que retardaram o pagamento do décimo terceiro salário.

Enquanto isso, os servidores públicos do estado estão em greve e cobram desde 2014 a implantação do Plano de Cargos, Carreiras e Vencimentos (PCCV), que justamente depende da redução dos gastos com a folha de pagamento. O índice de comprometimento do Estado com a folha, que está em 47.82%, precisa estar abaixo de 46.55% para efetivar o PCCV. Isso quer dizer que o índice está acima do Limite Prudencial da Folha de Pagamento. Como afirmou a Secretaria da Fazenda em entrevista recente ao F5 News.

“O governo tem que reduzir cada vez mais esse índice, sair do limite prudencial e com isso fazer a implementação. O Estado continua trabalhando neste sentido de reduzir esse índice em cada quadrimestre”, disse o assessor da secretaria Helber Andrade. No entanto, conforme divulgado pelo Jornal da Cidade, dados do quarto trimestre do ano passado apontam que houve um aumento desse número quando comparado ao trimestre anterior.

De acordo com relatório disponível no portal da Sefaz na internet, entre julho e setembro, os gastos do governo com folha de pagamento tinham alcançado a marca de 47,65% dos recursos disponíveis, mas entre outubro e dezembro houve pequeno crescimento de 0,17 pontos percentuais. No relatório do último quadrimestre, o Estado gastou, ao longo do ano, mais de R$ 3 bilhões com pessoal. A receita corrente líquida do governo em 2015 foi de pouco mais de R$ 6,3 bilhões. A dívida consolidada líquida é de R$ 4,3 bilhões.

O pior é que se ultrapassa o índice de comprometimento de receita, a LRF prevê uma série de restrições ao Estado, duas delas: fica impedido de fazer contratações, em caso de gastos com pessoal; e tem transferências federais cortadas, se não houver melhora nas contas em até oito meses.

Fonte:  F5 News (Fernanda Araújo)

MILITAR NÃO PODE REGREDIR NA HIERARQUIA NEM PARA TER REMUNERAÇÃO MAIOR.


Um membro das Forças Armadas não pode regredir de patente, nem que seja de um posto não remunerado para um com salário. O entendimento é do Tribunal Regional Federal da 4ª Região, que negou recurso de um aspirante a oficial da reserva das Forças Armadas que pretendia reingressar no serviço militar como sargento temporário, mediante concurso público. O Exército destituiu o militar do novo cargo, porque é proibida a regressão hierárquica. A decisão da 4ª Turma foi proferida na última semana.

O ex-combatente iniciou o curso para formação de sargento temporário da 5ª Região Militar em 2014, após ser aprovado em concurso público. Entretanto, teve a sua incorporação anulada por ser reservista não remunerado com patente de aspirante a oficial, superior na hierarquia militar.

O homem ajuizou mandado de segurança com objetivo de ser reintegrado no cargo. Ele alegou que o edital do concurso não proibiu a participação de oficiais da reserva, mas apenas os de carreira. O Comando Militar ponderou ter destacado a impossibilidade da participação de militares em caso de eventual retrocesso de patente.

A Justiça Federal de Curitiba julgou improcedente o pedido do autor, que recorreu contra a decisão no TRF-4.

O tribunal, no entanto, confirmou a sentença de primeiro grau por unanimidade. O relator do processo, juiz federal Sérgio Renato Tejada Garcia, convocado para atuar no TRF-4, ressaltou que o edital foi taxativo ao proibir a participação de aspirantes a oficial no concurso para o preenchimento de vagas em Estágio Básico de Sargentos Temporários, em face da impossibilidade de regressão hierárquica. Com informações da Assessoria de Imprensa do TRF-4.

Fonte:  Revista Consultor Jurídico

POLÍCIA MILITAR DE PERNAMBUCO REALIZA CONCURSO PARA SOLDADO, COM 1.500 VAGAS.


Se você está em busca de um concurso policial no nordeste, uma boa oportunidade é o concurso de soldado da Polícia Militar do Pernambuco, que está prestes a ter o edital lançado.

Ao todo, são 1.500 vagas de nível médio, autorizadas pelo governador pernambucano e com a organizadora já contratada. Veja quais são os requisitos do Concurso Soldado PMPE 2016:

* Ter sido aprovado no concurso público.

* Ter idade máxima de 28 anos completos, no ato da inscrição do concurso.

* Ter concluído ensino médio completo ou correspondente, em instituição de ensino reconhecida nos moldes da legislação federal.

* Ser habilitado para a condução de veículos automotores.

* Possuir altura mínima de 1,65 m para homens e 1,60 m para mulheres.

As disciplinas que caem no concurso são as seguintes:

* Língua Portuguesa

* Matemática

* Geografia

* História

* Conhecimentos de Direito Constitucional

Fonte:  Abordagem Policial

MINISTÉRIO PÚBLICO REQUER QUE SOLDADO DO CORPO DE BOMBEIROS SEJA CONDENADA POR ATO DE IMPROBIDADE ADMINISTRATIVA, POR SE PASSAR POR BACHARELA APROVADA NA OAB.


O Ministério Público de Sergipe, por intermédio da Promotoria de Justiça do Controle Externo da Atividade Policial, ajuizou Ação Civil Pública por ato de improbidade administrativa em face de Luana Andrade de Fraga, soldado do Corpo de Bombeiros de Sergipe. A ACP é inédita em Sergipe.

O MP requer que a Sd BM em questão seja condenada à perda da função pública, ao pagamento de multa no valor de cem vezes o valor da sua remuneração e às penas inclusas no artigo 12, inciso III, da Lei nº 8.429/92, Lei de Improbidade Administrativa.

Consta dos autos, que Luana Andrade de Fraga, no período de julho de 2014 a dezembro de 2015 usou de má-fé e abusou da confiança para a Corporação Militar a qual servia, induzindo em erro os seus superiores, mediante ardil para obtenção de vantagem indevida. A SD falseou informações sobre sua formação acadêmica e, dizendo-se bacharela em Direito com aprovação na OAB, sem o ser, compôs um cargo numa Assessoria do Comando.

Além disso, simulou para si e para sua genitora enfermidades graves e inverídicas, com o propósito de obter a complacência do Comando do Corpo de Bombeiros e de seus colegas de trabalho, na flexibilização do cumprimento integral de seus horários de expediente. Com essas falsas alegações, a militar justificava suas constantes ausências no trabalho e o seu não escalonamento para o serviço operacional na Corporação.

Nos autos da Ação, o Promotor de Justiça Diretor do CAOp da Segurança Pública, João Rodrigues Neto pontuou que, com a descoberta da verdade, foram reveladas a deslealdade da acusada perante a Administração Militar e a violação dos deveres inerentes a todo e qualquer militar, previsto no artigo 30, inciso III do Estatuto da Polícia Militar de Sergipe – aplicável ao Corpo de Bombeiros.

Fonte:  MP/SE

Nota do blog: O Ministério Público deve também investigar como é que o Comando do Corpo de Bombeiros não se cercou das devidas comprovações, como por exemplo, solicitando o devido diploma da militar, acreditando somente em uma afirmação verbal sem a devida comprovação por escrito.

CORONEL IUNES: “NÃO TENHO PROBLEMAS COM SECRETÁRIO. MEU PROBLEMA É COM BANDIDOS".


O comandante da Policia Militar de Sergipe, coronel Mauricio Iunes, continua calado quanto ao suposto desentendimento entre ele e o Secretário de Segurança Pública, Mendonça Prado.

Por conta desse suposto desentendimento, o governador Jackson Barreto que chegou a qualificar como sendo “crise de vaidade”, resolveu anunciar que na próxima semana estará anunciando o nome do novo secretário de segurança pública. Sobre o comando da PM, Jackson disse que essa será uma escolha do novo secretário.

Na manhã desta quinta-feira (11), o coronel Iunes participou de uma entrevista coletiva à imprensa, onde a PM apresentou os resultados da operação carnaval 2016. Ao final da entrevista, os jornalistas não perderam a oportunidade e voltarem a questionar o comandante sobre sua suposta saída do comando e também se havia algum problema com o secretário Mendonça Prado.

Ao ser questionado sobre a hipótese do desentendimento com o secretário, Mauricio Iunes afirmou que “não tenho problemas com secretário. Não há problemas nenhum. Na minha atividade o meu problema é com bandidos e não com pessoas de bem”, afirmou o comandante.

Iunes também não falou sobre como fica sua situação, se continua no comando ou sai. “Especular é coisa para adivinho. Sou soldado, subordinado ao meu chefe, que é o Dr Jackson Barreto, comandante da Polícia Militar”, disse.

Fonte:  Faxaju (Munir Darrage)

IML REGISTA 32 HOMICÍDIOS DURANTE O CARNAVAL DE 2016 EM SERGIPE.

Número é maior que o registrado no mesmo período do ano passado


Várias ocorrências policiais foram registradas durante o Carnaval em Sergipe. Colocado entre os cinco estados mais violentos do país, de acordo com levantamentos do Ministério da Justiça e do Fórum Brasileiro de Segurança Pública, de outubro de 2015, Sergipe teve um acréscimo no número de homicídios no feriadão deste ano. Foram 52 corpos, sendo 32 homicídios. No mesmo período do ano passado, houve registro de 21 assassinatos.

No balanço do Instituto Médico Legal (IML), 16 homicídios ocorreram na Grande Aracaju (12 deles na capital). Houve ainda seis mortes por acidentes de trânsito. Nas últimas 24 horas, da quarta de cinzas para esta quinta-feira (11), quatro corpos foram registrados, sendo três homens e uma mulher.  Dois homens, um de 37 anos e outro jovem de 19, foram vítimas de homicídio por arma de fogo. Os crimes ocorreram no povoado Estancinha em Lagarto, e na Rodovia Francisco Teles de Mendonça, em Itabaiana, respectivamente.

Um homem de 52 anos sofreu uma queda, foi encaminhado ao Hospital de Urgência de Sergipe, mas não resistiu aos ferimentos. Ele é proveniente da cidade de São Miguel do Aleixo. Uma morte a esclarecer também foi registrada no IML, a mulher de 42 anos morava no bairro Cidade Nova, em Aracaju.

O relatório de terça-feira (9) apontou nove homicídios por arma de fogo e um por arma branca. Sete mortes por arma de fogo foram registradas na segunda-feira (8). No domingo (7) cinco pessoas foram assassinadas, sendo quatro vítimas por arma de fogo e um por arma branca.

Já no sábado (6) foram três por arma de fogo e um por arma branca, e na sexta-feira (5) houve registro de dois homicídios por arma de fogo e um por espancamento.

Fonte:  F5 News

O BLOG ESPAÇO MILITAR PARABENIZA AO SARGENTO BM VALMIR NEVES PELO TRANSCURSO DO SEU ANIVERSÁRIO.



O blog Espaço Militar parabeniza o sargento BM Valmir Neves pelo transcurso do seu aniversário nesta quinta-feira, dia 11, rogando a Deus que o abençoe cada vez mais, dando-lhe muita paz, saúde, prosperidade e alegria, ao lado dos seus familiares e amigos.

Prestamos esta singela homenagem ao amigo:

Feliz aniversário! Hoje é o seu dia especial, mais um ano se completou na sua vida, e por esse motivo você deve se alegrar e festejar. 
Desejamos que você celebre essa data por muitos anos, e que por todos eles nunca lhe falte paz no coração, amor na vida, sorrisos no rosto, companhias maravilhosas e que cada novo dia seja o renovar de uma esperança e um entusiasmo infinitos. Muitas felicidades!

QUEM ANTECIPOU O 13º SALÁRIO DE 2015 E TEVE QUE TOMAR UM EMPRÉSTIMO PARA COBRIR TAL DESPESA JUNTO AO BANESE, ESTÁ TENDO UMA SURPRESA DESAGRADÁVEL.

Mais uma vez o Estado de Sergipe prejudica os servidores públicos.


Na manhã desta quinta-feira, diversos servidores que anteciparam o 13º salário de 2015 e tiveram que contrair novo empréstimo para não ficarem inadimplentes com o Banese, tiveram uma surpresa desagradável, pois ao invés de ser debitada uma só parcela no salário de janeiro de 2016 que está sendo pago hoje, foram lançadas na conta do servidor, duas parcelas de uma só vez, causando mais um transtorno ao servidor público estadual.

O presidente do Banese em entrevista concedida a diversos órgãos da imprensa sergipana, tinha garantido que só seria descontada uma parcela por mês, mas o que o servidor comprovou nesta quinta-feira é que foram debitadas de uma única vez, duas parcelas.

Servidores estaduais que procuraram os gerentes do Banese foram informados que foi detectado o desconto em duplicidade e que estariam procurando resolver, mas sem saber ainda quando e se será devolvido tal valor indevidamente descontado por duas vezes.

Todo este problema só tem um culpado, o Estado de Sergipe, que não pagou em dia o 13º do servidor público e ainda orientou este a tomar um empréstimo que está causando o maior transtorno.

Matéria do blog Espaço Militar

FOLIA SANGRENTA.


Sergipe viveu o Carnaval mais violento da história. Durante os cinco dias de folia ocorreram dezenas de homicídios na capital e interior. A violência foi tamanha que até a imprensa perdeu as contas: o Correio de Sergipe contabilizou 29 homicídios, enquanto o Jornal da Cidade publica hoje que foram 34 assassinatos. É provável que nem a Polícia, atordoada com a ousadia dos criminosos, saiba ao certo o número de crimes ocorridos no estado durante o Carnaval. Socorro!!!!!

Fonte:  Blog do jornalista Adiberto de Souza

Nota do blog:  E ainda dizem que o carnaval do nosso Estado foi tranquilo. Onde?

COMOÇÃO NO SEPULTAMENTO DO POLICIAL ASSASSINADO EM SHOW.

Cabo Joeliton dos Santos morreu nesta terça, 9 no São Conrado

Caixão passou por um corredor humano formado por colegas de farda (Fotos: Portal Infonet)

A comoção foi visível entre familiares, amigos e colegas de trabalho, durante o sepultamento do corpo do cabo da Polícia Militar de Sergipe, Joeliton dos Santos, 47, assassinado durante um show de uma banda que empresariava. O crime aconteceu na noite desta terça-feira, 9 no bairro São Conrado, há poucos metros da casa do policial.

No sepultamento [final da tarde desta quarta-feira, 10 no Cemitério Helena Alves Bandeira-Atalaia], o comandante da Polícia Militar de Sergipe, coronel Maurício Iunes afirmou ser uma perda significativa, principalmente pelo fato de mesmo estando de folga, o cabo agiu em prol da sociedade.

Sepultamento com honras militares

“É a demonstração de que mesmo de folga, nossos policiais militares estão em prol da sociedade sergipana. Espero que a sociedade possa atentar para esse detalhe, que os policiais militares mesmo de folga, desempenham as suas atividades”, destaca coronel Iunes.

Momento em que os policiais conduzem o caixão ao cemitério

Prisões

De acordo com o comandante do Policiamento da Capital, coronel Luiz Azevedo, duas pessoas com ligação direta com o crime foram presas e um terceiro porque ajudou a esconder o carro. “Dois ligados diretamente com o crime estavam dentro do veículo golf e o terceiro ajudou a esconder o carro no mangue do São Conrado. Faltam ser presos quatro, mas já sabemos quem são todos eles”, alerta acrescentando que levaram a arma do policial.

Crime

"Ele estava nessa festa com uma pequena banda que ele é empresário e veio outro grupo e colocou um paredão próximo e começou um atrito. Mas, na verdade, ficamos sabendo que foi uma briga de uma quadrilha do tráfico de drogas do Pantanal com uma quadrilha do São Conrado. Eles trocaram tiros e foi na hora que o Joeliton fez a intervenção. O policial sergipano tem uma característica diferenciada, é um policial 24 horas por dia, independente de estar a serviço ou não. Mesmo estando de folga, ele se sentiu compelido a intervir numa situação que estava realmente complicada e infelizmente veio a óbito. A sociedade foi quem perdeu um guardião”, enfatiza lembrando que o cabo era policial da 4ª Companhia do 1º Batalhão.

Companheiras

Na porta do cemitério, a viúva Zelma Barreto pediu Justiça. Ela estava ao lado de familiares e da filha de 14 anos, que teve com o cabo Joeliton. "Eu peço justiça porque a violência está muito grande. Ele era muito dedicado, trabalhou em várias companhias, um pai de família que sempre morou no São Conrado. Eu estava na hora, mas não vi o momento do crime, foi muito rápido", ressalta.

“Eu tinha uma união estável com ele há oito anos e me encontrava na cena do crime, mas não vi o momento em que Joeliton caiu. Eu estava com a esposa do baterista e os dois filhos, estava na quarta música quando começou o tiroteio. Foi tudo muito rápido. Pegamos as crianças e eu subi no trio, quando vi ele passar correndo, ainda gritei, mas depois só ouvi as pessoas dizendo que Joeliton estava morto”, ressalta Cristiane Menezes acrescentando não ter filhos com o policial.

O cabo Joeliton Santos deixou cinco filhos.

Fonte:  Infonet (Aldaci de Souza)

quarta-feira, 10 de fevereiro de 2016

CABO DA PM ASSASSINADO NO SÃO CONRADO TEM CORPO SEPULTADO.


Fonte:  Cidade Alerta Sergipe/TV Atalaia

CABO DA PM É ASSASSINADO NO BAIRRO SÃO CONRADO.


Fonte:  Cidade Alerta Sergipe/TV Atalaia

POLICIAL MILITAR DE SERGIPE DESABAFA SOBRE SITUAÇÃO VIVIDA.


Confiram o desabafo encaminhado ao blog Espaço Militar:

"Não precisamos jogar para tão longe este silêncio! Muitos de nós silenciamos diante de uma pergunta clássica: "será que ele não estava envolvido em algo errado?" Somos também vítimas de uma mídia,  de propagandas imorais que nos levam cada vez mais a uma viela social: nem nós mesmos gostamos do que escolhemos ser. E diante do exposto, vejo os marginais que se unem em um único objetivo: "caçar policiais, eles são ameaças." E nós? Choremos por um futuro que está próximo, de falta de unidade, de corporativismo e de orgulho de ser polícia. Eu sou doutora em ciências da religião pela faculdade de Campinas, sou mestra em psicologia pastoral e Linguística aplicada em Literatura Brasileira, a primeira pela faculdade de Campinas e a segunda pela Universidade Federal de Sergipe. Sou graduada em Letras português-inglês, Letras vernáculas, Psicologia Clínica e Teologia. Só a última pela faculdade de Campinas as outras pela UFS. E acima de tudo sou soldado a dezessete anos na Polícia Militar de Sergipe, passei no CFO de 2004, passei quase um ano em Pau D' Alho, mas desisti e voltei a ser soldado e todas as vezes que entro na avenida para desfilar ou entro em uma viatura, sinto orgulho de ser policial militar, ainda me arrepio e sinto que foi o Senhor que me escolheu para isto, pois não acredito em livre-arbítrio. E ninguém, nem os salários atrasados, nem ações criminosas entre outros, tirarão este sentimento em mim. Aos familiares de todos os policiais que foram mortos em todo o estado este início de ano, meus verdadeiros sentimentos e aos meus colegas e pessoas de valorosas qualidades deste grupo, vamos à luta e que o Senhor seja sempre o nosso escudo e desculpem-me pelo desabafo".